sábado, 7 de março de 2009

Viva la Vida!

Anita já tinha se conformado com sua cor, digamos, transparente. Desde nova descobriu sua congênita falta de melanina. Bendita melanina. E maldita sua falta. Desde então resolveu que seria lindamente, branca! Se é que isso é possível... Só mesmo Nicole Kidman para parecer fantástica nesse tom adoentado de pele. Pois bem, os anos se passaram e Anita nunca entendia como suas amigas torravam ao sol. Achava até brega. E sensual. Muito sensual. Mas ignorava, já que a qualquer aparição sob o sol da tarde já ficava toda ardida. Nos últimos anos tem como hábito, por prescrição médica, o uso de protetor solar. Mesmo em dias nublados. Ah, bendita prescrição médica. Mesmo branquela, devido ao cremes e protetores mil, não apresenta nenhuma marca de expressão. Ainda. Diferente de suas amigas, morenas, lindas, radiantes. Tudo bem. Anita gabasse em aparentar 26 anos, tendo 31, e suas amigas o contrário!! Nesse verão, como em todos os outros, nada de diferente aconteceria. Ficaria tomando cerveja, daria uns pulinhos na piscina, soltaria desculpas “melanômacas” e claro, continuaria terrivelmente branca. Seu marido não ligava, até tratava-a carinhosamente, ou quem sabe, satiricamente de “minha branquinha”. Entretanto a surpresa aconteceu. Durante uma bela e curta viagem de navio onde, sem ter o que fazer, ficou prazerosamente... tomando sol!!!! Tomava sol e passava protetor 40. Infantil. E tomava mais sol. E mergulhava na piscina. E tomava chopp e mais sol. Não teve insolação não. Teve sim é uma bela sensação de energia interna e a maravilhosa constatação de que o sol, a pele bronzeada, além de servir para deixar mais, digamos, as pessoas mais interessantes, serve para esconder as imperfeições dérmicas!!! Ah, que descoberta. E incrivelmente, devido a um complexo vitamínico tomado meses antes para melhorar a quebradeira das unhas e cabelos, a pele morenou! Anita está se achando. Se achando pq pode ficar caliente, curtir o verão, esconder ou disfarçar as celulitesinhas, e ainda parecer uns incríveis 4 anos mais jovem. E pode ainda parar de divulgar sua preferência ao inverno do que ao verão. E pode mais ainda, parar de besteirinhas e curtir a vida. Ao som de Cold Play, em Viva La vida...

3 comentários:

Gabrielle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Ai prima vc nao existe!!! coloca ai a foto da anita pra gente ver..rsrsrsr
E que bom q voltastes a escrever

Jéssica disse...

Nossa parece eu, mas ao invés de ficar toda branca, ficava com a marca da gigante camiseta regata!!!